Damos as boas vindas e agradecemos a todos pela visita a este espaço. Fiquem à vontade para acompanhar ao máximo todas as notícias e informações divulgadas e aproveitem para assistir AO VIVO a TV Justiça, TV Senado e a TV Câmara. ** We like welcome and thank you all for visiting this space. Feel free to follow the maximum all published news and INFORMATION To Watch and enjoy LIVE TV Justice, Senate TV and TV camera. VEJA VÍDEO: Grupo faz protesto em frente à loja Marisa após campanha com ex-mulher de Lula ~ Verdades Ocultas

sábado, 13 de maio de 2017

VEJA VÍDEO: Grupo faz protesto em frente à loja Marisa após campanha com ex-mulher de Lula

Postado por: Fátima Miranda - 14:56:00

Compartilhar

& Curtir

Reprodução/Twitter - @analuciabebiano

Último Segundo - Com cartazes e mensagens de boicote, grupo fez protesto em frente à unidade da loja Marisa em São Bernardo do Campo

Um grupo formado majoritariamente por mulheres realizou protesto neste sábado (13) em frente a uma unidade da loja Marisa em São Bernardo do Campo, cidade do ABC Paulista. 


O ato que reuniu algumas dezenas de manifestantes na rua Marechal Deodoro, na região central do município, foi motivado pela campanha para o Dia das Mães promovida pela rede varejista , na qual a empresa fazia menção à Dona Marisa Letícia, ex-mulher de Luiz Inácio Lula da Silva que morreu no início de fevereiro.

Os manifestantes, simpáticos ao ex-presidente, ergueram cartazes sugerindo um boicote à loja, acusada de desrespeitar a memória da ex-primeira-dama. A proposta de boicotar a empresa surgiu nas redes sociais nessa sexta-feira (12), logo após a loja divulgar a publicidade que fazia alusão ao depoimento de Lula ao juiz federal Sérgio Moro. 

Na campanha divulgada nas redes sociais, a empresa fez referência às declarações nas quais Lula atribuiu fatos ligados ao tríplex no Guarujá à sua ex-mulher com o texto "Se sua mãe ficar sem presente, a culpa não é da Marisa".

Embora parte do público da loja tenha elogiado a ideia da empresa, outra boa parcela dos internautas achou a campanha desrespeitosa.

Procurada pela reportagem, a Polícia Militar informou que não foi acionada para acompanhar o protesto em São Bernardo do Campo, cidade onde a ex-primeira-dama morava.
Veja

Também foi motivo de revolta na internet a capa da edição desta semana da revista Veja , que traz um retrato da ex-mulher de Lula acompanhada da chamada "A morte dupla".

A ex-presidente Dilma Rousseff foi uma das que manifestaram indignação frente à publicação. Por meio de nota, Dilma acusou a revista de promover um "ataque covarde" à memória de Marisa Letícia.

"Não foi suficiente a devassa sofrida em seu lar, vasculhado por policiais, na vida privada invadida, na pressão sobre filhos e netos. Não bastaram os grampos injustificados e as acusações sem provas que corroeram sua saúde. A revista Veja desta semana julga ser necessário ferir sua memória, atingindo tudo o que ela mais amou", escreveu Dilma.

Envolvida com machismo, trabalho escravo e doleiros, Marisa faz piada com ex-primeira dama



Carta Campinas - As Lojas Marisa, que já foi investigada por trabalho escravo e depósito de R$ 3,2 milhões em conta de empresa de doleira presa na operação Lava Jato, fez piada publicitária com a ex-primeira Marisa Letícia, morta recentemente.

Em outro caso, de 2012, a Marisa fez peça publicitária de cunho machista. Mulheres fizerem protesto em frente a loja. A empresa parece representar a ebulição do caldo reacionário emergido recentemente no Brasil.

De acordo com reportagem de O Globo de 2014, a Marisa foi envolvida em denúncias de utilizar mão-de-obra em condições análogas à escravidão em 2007 e depois em 2010. Veja só, a Marisa questiona na Justiça a autoridade dos auditores do Ministério do Trabalho nas fiscalizações e também a constitucionalidade da Lista Suja do Trabalho Escravo. “Estamos exercendo nosso direito de defesa”, afirmou Ricardo José Ribeiro dos Santos, diretor de Expansão, Patrimônio e Relações Institucionais da Marisa. (Veja aqui)

Em outra reportagem, sobre a Operação Lava-Jato, as Lojas Marisa depositou R$ 3,2 milhões numa conta da doleira Nelma Kodama, condenada a 18 anos de prisão por evasão de divisas. A mulher dava apoio ao doleiro Alberto Youssef e teria movimentado R$ 221 milhões em dois anos.

Matéria do jornal Valor Econômico mostrou que R$ 3,2 milhões foram transferidos entre junho de 2009 e maio de 2014 da Lojas Marisa para a Choco Bijoux, empresa usada de fachada.

A Lojas Marisa afirma que foi parceira comercial da Choco Bijoux entre 2009 e 2012, sendo que esta última “fornecia bolsas, cintos e acessórios diversos”.

A rede de lojas, no entanto, não esclareceu porque continuou transferindo dinheiro para a Choco até maio deste ano, sendo que, em tese, a parceria estava encerrada desde 2012. (Veja Aqui)

Em 2012, a Loja fez uma série publicitária exalando machismo. Em sua das propagandas, considerada a mais irresponsável e criticada, a Marisa mostra uma mulher magra agradecendo à má alimentação que teve, por ter alcançado seu objetivo que era apenas ficar magra para vestir um biquíni e ser elogiada por homens. Um incentivo à “prática irresponsável de dietas malucas e desconsiderando as pessoas que sofrem e morrem devido aos transtornos alimentares, cada vez mais comuns num mundo onde a magreza extrema é vendida como ideal de beleza”.(Veja Aqui)




Postado Por: VERDADES OCULTAS/ Fátima Miranda

RESPEITAMOS A DEMOCRACIA! "Democracia é oportunizar a todos o mesmo ponto de partida. Quanto ao ponto de chegada, depende de cada um." Fernando Sabino

1 comentários:

Copyright © Verdades Ocultas

Direitos reservados a VERDADES OCULTAS - Hidden Truths News - Personalização/Arte digital FMS Artes Gráficas WhatsApp 71-99291.6634. http://www.templatezy.com