Damos as boas vindas e agradecemos a todos pela visita a este espaço. Fiquem à vontade para acompanhar ao máximo todas as notícias e informações divulgadas e aproveitem para assistir AO VIVO a TV Justiça, TV Senado e a TV Câmara. ** We like welcome and thank you all for visiting this space. Feel free to follow the maximum all published news and INFORMATION To Watch and enjoy LIVE TV Justice, Senate TV and TV camera. APÓS CONDENAR ESPIONAGEM A FACHIN, CÁRMEN DIZ QUE NÃO TOMARÁ PROVIDÊNCIAS ~ Verdades Ocultas

segunda-feira, 12 de junho de 2017

APÓS CONDENAR ESPIONAGEM A FACHIN, CÁRMEN DIZ QUE NÃO TOMARÁ PROVIDÊNCIAS

Postado por: Fátima Miranda - 17:30:00

Compartilhar

& Curtir



247 - A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, informou que não vai tomar nenhuma medida em relação às notícias de espionagem e escuta conta ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

"A Ministra Presidente do Supremo Tribunal Federal não adotará qualquer providência sobre a notícia de que estaria havendo escuta ou medida irregular contra Ministros do Supremo. O Presidente da República garantiu não ter ordenado qualquer medida naquele sentido. Não há o que questionar quanto à palavra do Presidente da República", diz trecho de texto divulgado pela assessoria de imprensa do STF, que conclui: "Portanto, o tema está, por ora, esgotado".

Nesse sábado, Cármen Lúcia havia emitido uma dura em que condenava com veemência a suposta ação de espionagem da Abin contra o relator da Lava Jato. "É inadmissível a prática de gravíssimo crime contra o Supremo Tribunal Federal, contra a Democracia e contra as liberdades, se confirmada informação de devassa ilegal da vida de um de seus integrantes", diz trecho da nota (leia aqui).

Denúncia feita nesta sexta-feira pela revista Veja aponta que Temer teria acionado o serviço secreto "para bisbilhotar a vida do ministro com o objetivo de encontrar qualquer detalhe que possa fragilizar sua posição de relator da Lava-Jato".

Guinada no posicionamento da presidente do STF ocorre no mesmo dia em que, em entrevista à Folha, o também ministro do STF e presidente do TSE, Gilmar Mendes, repreendeu Carmen Lúcia por não ter se posicionado em ataques a outros ministros da Corte.

"Agora, eu chamei a atenção da ministra Cármen: ela precisa assumir a defesa do tribunal em todos os ataques. O ministro [Dias] Toffoli já sofreu ataque, ligado a vazamento da Lava Jato. Já houve ataques ao [Luiz] Fux, ao [Ricardo] Lewandowski. A revista Veja noticiou que a PGR queria me envolver no caso [do senador] Aécio [Neves]. E houve silêncio [de Cármen Lúcia]. É preciso que ela assuma a defesa institucional do tribunal e de todo o Judiciário. E não só de um ou de outro. Essa é a missão dela, como presidente", disparou Gilmar.




Postado Por: VERDADES OCULTAS/ Fátima Miranda

RESPEITAMOS A DEMOCRACIA! "Democracia é oportunizar a todos o mesmo ponto de partida. Quanto ao ponto de chegada, depende de cada um." Fernando Sabino

0 comentários:

Postar um comentário

Copyright © Verdades Ocultas

Direitos reservados a VERDADES OCULTAS - Hidden Truths News - Personalização/Arte digital FMS Artes Gráficas WhatsApp 71-99291.6634. http://www.templatezy.com